U2 faz performance histórica no Grammy Awards | U2 Brasil
29 de janeiro de 2018 · Songs of Experience
U2 faz performance histórica no Grammy Awards
RômuloPostado por Rômulo

Bono e The Edge compareceram ontem à noite na cerimônia da 60ª edição do Grammy Awards, realizada no Madison Square Guarden em Nova York, para abrirem a premiação ao lado do rapper Kendrick Lamar cantando sua canção “XXX”, feita em colaboração com o U2.

Uma performance potente, que não poupou críticas ao presidente dos Estados Unidos, Donald Trump. O ator e comediante Dave Chappelle fez uma interferência no meio da apresentação: “Eu só queria lembrar ao público que a única coisa que assusta mais do que ver um homem negro ser sincero na América, é ser um homem negro sincero na América,” disse.

Mas a participação do U2 não acabou por aí. Uma performance da canção “Get Out Of Your Own Way”, pré-gravada em uma barcaça no Rio Hudson com a Estátua da Liberdade de cenário, foi transmitida durante o evento. Uma apresentação histórica, que enfatizou a mensagem política da banda sobre o atual estado da democracia. “Bem-aventurados os países de merda, porque nos deram o sonho americano,” provocou Bono ao final.

A banda foi apresentada pela cantora Camila Cabello, que fez um discurso emocional sobre os jovens imigrantes que lutam para se manterem nos Estados Unidos após a revogação de Donald Trump da política estabelecida por Barack Obama, Deferred Action for Childhood Arrivals (DACA).

“Hoje, nesta sala cheia de sonhadores de música, lembramos que este país foi construído por sonhadores, para sonhadores, perseguindo o sonho americano. Estou aqui neste palco esta noite porque, assim como os sonhadores, meus pais me trouxeram para o país com nada nos bolsos, mas esperança. Eles me mostraram o que significa trabalhar duas vezes mais e nunca desistir. E, honestamente, nenhuma parte da minha jornada é diferente da deles. Eu sou uma orgulhosa imigrante cubana-mexicana, nascida no leste da Havana, de pé na sua frente no palco do Grammy em Nova York, e tudo o que sei é que, como sonhos, essas crianças não podem ser esquecidas e vale a pena lutar.”

Bono e The Edge ainda voltaram ao palco para entregarem o último prêmio da noite, de “Melhor Álbum do Ano”, para o cantor Bruno Mars, vencedor com seu álbum “24K Magic”.

O U2 é a maior banda recordista dos Grammys com 22 estatuetas e 47 indicações. Será que ano que vem teremos “Songs of Experience” na disputa?! Vamos torcer pra que sim!


Compartilhar notícia

  • 508
  •  
  •  

1
Deixe um comentário

avatar
1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Comment authors
yurieu Recent comment authors
  Inscrever-se  
mais novos mais antigos mais votados
Notificar-me de
yurieu
Visitante
yurieu

“Todos tem o direito de viver nos Estados Unidos”

“Todas as nações devem estar voltadas para os horrores praticados em países subdesenvolvidos”

As celebridades ficaram com a opção 1.