#TBT: Quando o U2 fotografou por castelos em ruínas
#TBT: Quando o U2 fotografou por castelos em ruínas
27 de agosto de 2020
#TBT: Quando o U2 fotografou por castelos em ruínas
Há 36 anos o U2 viajava pelo território irlandês em busca da capa para o álbum “The Unforgettable Fire”.
Rômulo
Editor-chefe do U2 Brasil

Em agosto de 1984, os membros do U2, o fotógrafo Anton Corbijn e o designer Steve Averill viajaram pela Irlanda em busca de castelos para estampar a capa do novo álbum, "The Unforgettable Fire".

Averill, designer das capas dos álbuns da banda, conta:

"Eu sabia que o título 'The Unforgettable Fire' estava associado com Hiroshima e eu entendia o seu significado. De fato, uma das capas que eles me apresentaram continha uma vista aérea de Hiroshima, com um alvo desenhado. Mas nós sabíamos que não seria muito apropriado, então tentamos pensar em lugares ou épocas onde o fogo tivesse criado algo que fosse intrinsecamente belo e diferente. Então pensei em castelos e casas incendiadas, onde a estrutura remanescente tivesse presença e estilo."

Com um roteiro e mapas nas mãos, eles planejaram três dias para visitar alguns castelos com o fotógrafo Anton Corbijn.

"Nos demos conta rapidamente de que muitos dos castelos ficavam dentro de vilarejos, ou tinham sido transformados em celeiros, ou não eram assim tão bons para serem fotografados. O que aparece na capa do álbum é um lugar chamado Moydrum Castle no Condado de West Meath, e é na verdade uma antiga mansão, não um castelo."

The Edge relembra a viagem:

"Passamos alguns dias viajando pela costa ocidental da Irlanda com o Anton Corbijn e descobrimos locais muito interessantes. Havia um livro que o Steve tinha descoberto, e que achava ser um bom ponto de partida, e tiramos fotos na frente de alguns castelos em ruínas. Era apropriadamente ambíguo e tinha certo misticismo irlandês. Algo relacionado com a decadência, a história, maus construtores, questões sobre onde tínhamos estado, o fim de uma coisa e o início de outra. Estava tudo lá, na fotografia do castelo."

No entanto, a foto causou polêmica. O então empresário do U2 na época, Paul McGuinness, revelou:

"A fotografia do Anton é cópia de uma foto de uma outra pessoa (uma fotografia que é a capa do livro 'In Ruins: The Once Great Houses of Ireland' de Simon Marsden). O Anton colocou a máquina exatamente no mesmo local e usou a mesma técnica de filtragem solar, a única diferença é que os quatro membros do U2 estão na foto. Aquilo nos custou caro – o Anton prometeu não voltar a fazer mais isso."

Além do Moydrum, o Carrigogunnell Castle é outro castelo que aparece na contracapa do disco e fica localizado no condado de Limerick.

Colaborou U2 Sombras e Árvores Altas

Notícias relacionadas
SIGA O U2BR NAS REDES SOCIAIS


SIGA O U2BR NAS REDES SOCIAIS
parceiros
apoio
ouça a rádio oficial
CONTRIBUA COM O NOSSO PROJETO. CLIQUE AQUI PARA SABER COMO.
© 2006-2020 U2 Brasil PROJETO GRÁFICO: NACIONE™ BRANDING Special thanks to Kurt Iswarienko and iinchicore (Photography)